Divulgue esse artigo

O contrato de locação pode ser um empecilho para quem deseja ser dono do próprio negócio.

Não bastasse a obrigação de ter um fiador e assinar contratos de longa duração e com multas onerosas, o novo empresário deve estar com o nome devidamente limpo para fechar negócio.

Porém, nós sabemos que uma empresa iniciante enfrenta uma série de dificuldades. O empreendedor investe o que tem e o que não tem para tirar seu projeto do papel, na esperança de recuperar o valor à medida que as coisas forem prosperando.

E é justamente para ajudar nesse começo cheio de incertezas que os escritórios compartilhados como a My Place Office oferecem um contrato de locação menos burocrático e diferenciado.

Como funciona o contrato de locação da My Place Office

Existe uma série de vantagens em migrar uma empresa para um escritório compartilhado. Mas, desta vez, vamos nos atentar ao contrato de locação.

Diferente dos contratos tradicionais, na My Place Office o profissional pode optar por contratos de locação de três meses, seis meses e um ano, com multa proporcional. Dessa forma, caso haja desistência, o valor a ser pago por quebra de contrato é bem pequeno.

Essa estratégia de oferecer contratos de locação com prazos flexíveis foi criada porque a My Place Office reúne profissionais autônomos de segmentos variados que estão começando e que precisam de todo o apoio necessário para fazer o negócio decolar.

Vale lembrar que a contratação inicial de três meses é estendida a todos os serviços da My Place Office – coworking, sala privativa e escritório compartilhado.

A documentação para firmar o contrato de locação na My Place Office também é bem simples, comparada aos contratos tradicionais de salas comerciais.

Para pessoas físicas, as exigências são documentos pessoais (RG e CPF) e comprovante de residência. Para pessoas jurídicas, além dos documentos pessoais e comprovante de residência dos sócios, pede-se o contrato social.

Pessoas negativadas também podem fazer contrato de locação

Logo no começo deste artigo nós falamos que muitas vezes um empreendedor investe o que tem e o que não tem para fazer seu negócio dar certo, não é verdade?

Quando isso não acontece, o empreendedor acumula dívidas e, sem ter como pagar, acaba ficando com o nome sujo na praça. Mas é preciso buscar soluções, levantar a cabeça e começar de novo.

E é nessa hora que um escritório compartilhado com contrato de locação diferenciado se torna a melhor opção para o profissional autônomo que não quer desistir do seu sonho de ser empreendedor.

Na My Place Office, a pesquisa no SPC Serasa é descartada, justamente por entender que o empreendedor precisa de oportunidades para se estabelecer (ou se restabelecer) e colocar sua carreira nos eixos.

Vamos recapitular? Confira as vantagens do contrato de locação da My Place Office:

Tópicos de contrato my place office

O que a My Place Office mais deseja é ser considerada uma solução de início, ou seja, se tornar a base para que o profissional se organize, cresça e veja sua empresa prosperar, a ponto de ter que buscar um espaço maior e próprio para expandir ainda mais.

Quer fechar um contrato de locação com a My Place Office? Entre em CONTATO com a gente!

A empresa está entre os cinco maiores escritórios compartilhados do Brasil, e possui 16 unidades espalhadas por quatro estados brasileiros – São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Espírito Santo –, totalizando 3 mil clientes.

Os serviços oferecidos são escritório virtual, estações de trabalho (coworking), sala privativa e sala de reunião.

Esperamos que nosso artigo tenha ajudado você. Acompanhe o nosso blog para ficar atualizado sobre o universo dos escritórios virtuais e coworkings!


Divulgue esse artigo