Divulgue esse artigo

Muitas pessoas ainda não sabem o que é um coworking. As inovações nos ambientes corporativos fizeram surgir esse espaço de trabalho colaborativo que reúne pessoas de diferentes formações e habilidades, interessadas em reservar mesas ou baias para realizar suas atividades em um ESCRITÓRIO COMPARTILHADO.

Sem tempo de ler? Clique no play abaixo para ouvir!

Em vez de arcarem sozinhos com os altos valores de locação de um imóvel em locais de grande visibilidade e prestígio, em um COWORKING profissionais autônomos e empresas de pequeno, médio e grande portes aceitam repartir os custos e dividir espaço com pessoas de diferentes áreas.

Os coworkings começaram nos Estados Unidos e hoje têm grande aceitação aqui no Brasil. De acordo com o CENSO realizado pela Associação Coworking Brasil, o país possuía 810 espaços de coworking em 2017, um aumento de 114% em relação a 2016.

Esse salto no aparecimento desses espaços mostra o quão vantajoso é tocar empresas e projetos em um ambiente colaborativo. Vamos mostrar nesse artigo por que os coworkings estão crescendo de maneira tão rápida.

O que é coworking: benefícios e vantagens

Os coworkings estão espalhados por diferentes cidades do país e, geralmente, estão instalados em pontos de fácil acesso.

Se você pensa em migrar sua empresa para um espaço colaborativo, confira os pontos positivos:

Custo fixo: aluguel, condomínio, IPTU, água, luz, telefone internet são gastos variáveis e que consomem um bom pedaço do orçamento da empresa. Em um coworking, o valor mensal é fixo e reduzido (porque é dividido entre todos os usuários), permitindo que o empresário invista mais dinheiro em seu negócio, de maneira estratégica.

Networking: ao dividir espaço com pessoas com diferentes expertises, o conhecimento é compartilhado e multiplicado. Além disso, você pode contar com o serviço de alguém que está ao seu lado e oferecer suas soluções para o profissional liberal da mesa da frente, por exemplo.

Salas de reunião: dentro de um coworking é possível reservar salas fechadas para receber clientes ou conversar reservadamente com um colega de trabalho. Basta alinhar com os administradores do local e usar a sala de reunião, que pode ser locada separadamente, de acordo com a necessidade. Dependendo do coworking, o espaço pode apresentar recursos de alta tecnologia.

Dia e noite: alguns coworkings funcionam 24 horas por dia, sete dias por semana. Desse modo, você pode usar as instalações na hora em que quiser e precisar trabalhar.

Serviços extras: dependendo do porte do coworking é possível encontrar serviços de papelaria, motoboy e coffee break para treinamentos, entre outros.

Entre os coworkings disponíveis no mercado estão os escritórios da MY PLACE OFFICE. Inaugurada em 2009, com o nome de Espaço Berrini, está entre os cinco maiores espaços de escritórios compartilhados do Brasil, com 16 unidades espalhadas por quatro estados brasileiros – São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Espírito Santo –, totalizando 3 mil clientes.

A empresa oferece serviços de ESCRITÓRIO VIRTUAL, estações de trabalho (coworking) salas de reunião e salas privativas mobiliadas e com toda infraestrutura necessária, como internet, café, água, recepção e limpeza.

Agora que você já sabe o que é coworking, consulte nossos planos. Ah, e continue acompanhando nosso blog para ficar atualizado sobre o universo dos escritórios virtuais e coworkings! Até breve!


Divulgue esse artigo